Escola Estadual “Barão de Suruí”

A praça é popularmente conhecida como “Praça do Barão”, por em seu entorno está localizada a Escola Estadual Barão de Suruí. O prédio foi construído no ano de 1917, padrão dos grandes grupos escolares, com acréscimo de espaços para biblioteca e laboratório, com autoria de Carlos Rosencranz. Exemplar de uma das tipologias de edificação escolar implantadas durante a Primeira República pelo Governo do Estado de São Paulo, como parte da política pública de amplos investimentos feitos para promover a educação básica da população, ministrada fundamentalmente nos Grupos Escolares, e a formação adequada de professores, nas Escolas Normais. As construções resultaram de projetos e obras realizadas pelo Departamento de Obras Públicas (DOP), estrutura ligada à Secretaria da Agricultura responsável por criar e manter a infraestrutura paulista.

Tombado por meio da resolução 60, de 21/07/2010 pelo CONDEPHAT – Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico São Paulo. Diário Oficial Poder Executivo, Seção I, 11/11/2010, pgs. 112 a 114