Praça Martinho Guedes (Praça da Santa)

O Patrono da Praça Matinho Guedes Pinto de Mello é um português que se instalou em Tatuí devido ao plantio de algodão a ser utilizada pela indústria têxtil que almejava construir na cidade.

A Praça inaugurada em 1910 é popularmente conhecida por “Jardim da Santa” por ter uma linda escultura em pedra, efígie da “Santa”, doada pelo embaixador José Carlos de Macedo Soares, em representação a Nossa Senhora da Imaculada Conceição, padroeira de Tatuí, feita por Luiz Morrone. A sua inauguração deu-se no dia 20 de Agosto de 1945, quando era prefeita a Professora Chiquinha Rodrigues.

O “Pinheirão” da Praça é enfeitado para o Natal todos os anos desde 1956 em Tatuí, pelo então conhecido Clube 17e se tornou ponto turístico e um dos símbolos da cidade, se tornando um patrimônio de Tatuí. O pinheiro já chegou a ter 50 metros e chegou a ser a maior do Brasil no passado, mas na década de 80, um raio a atingiu e a deixou pela metade. Desde então, muita coisa mudou no município, mas a tradição de enfeitar a árvore com luzes e objetos é mantida há 59 anos. O Pinheiro de Natal faz parte do cenário tatuiano.

O Centro Cultural de Tatuí “Professor Mauro Antônio Mendes Fiusa” onde situa-se a Sala de exposições de Artes Visuais, o Teatro e a Secretaria de Cultura e Turismo está localizado de fronte a Praça.